Logo Comunitas

Durante o Urban Thinkers Campus, Comunitas promove workshop sobre inovação social

15/09/2017

Um dos propósitos da Comunitas é o desenvolvimento de novas lideranças públicas por meio do aprimoramento e fortalecimento de competências e habilidades. Por esse motivo, a organização contempla diversos servidores públicos com bolsas de estudo em cursos com módulos internacionais.

LEIA MAIS: Conheça os gestores públicos contemplados com bolsas de estudo do MLG

Durante o Urban Thinkers Campus (UTC), iniciativa organizada pela Comunitas no último dia 13, esses bolsistas tiveram um espaço especial para debater sobre inovação e desenvolvimento de ações para impacto social, por meio de um workshop realizado em paralelo ao UTC.

Foto: Lucas Chiereguini

A oficina foi promovida pelo Instituto Amani – organização internacional que tem a missão de desenvolver profissionais que criem soluções para os problemas sociais – com objetivo de promover uma troca de metodologias entre as lideranças e o Instituto, gerando mais ações de impacto e inovação social.

Durante o encontro, o grupo apontou os desafios de se pensar inovação dentro do setor público. Como exemplo, o tempo do processo interno do governo contra o próprio tempo da inovação. “Para criar um aplicativo, é necessário que o projeto passe por todo o longo e moroso processo de licitação, enquanto na própria equipe existem pessoas qualificadas para criar”, conta Ana Paula Bertolin, da Secretaria da Informação e Tecnologia de Curitiba.

Foto: Lucas Chiereguini

LEIA MAIS: Comunitas lança publicação para contribuir com inovação tecnológica na gestão pública

As prefeituras sempre trabalham contra o tempo. Muitas vezes, quando determinado projeto é desenvolvido, já existem outras novas demandas, com diferentes características e que dependem de outras ações. “O desafio do governo é ter a agilidade que o mundo tem em se adaptar. É necessário prever o futuro em uma perspectiva em curto prazo, já que a velocidade com que as coisas mudam é difícil uma previsão em longo prazo”, continua Bertolin.

Ainda, o grupo concorda que é necessária uma inovação estrutural dentro do Governo. “Não se faz inovação social sem pessoas inovadoras, diz Marilia de Souza, da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep).

Foto: Lucas Chiereguini

 

De quem é a cidade? | Clique aqui e confira como foi o Urban Thinker Campus Brazil!

Últimas notícias:

Comunitas modela projeto de apoio emergencial a famílias em situação de vulnerabilidade

Com a experiência adquirida ao longo de 20 anos à frente da Comunitas, Regina Esteves,...

Comunitas inicia mobilização de recursos privados para apoiar famílias em situação de vulnerabilidade em SP

A iniciativa busca unir governo, iniciativa privada e sociedade civil para potencializar esforços...

Transferência de renda vira alternativa para mitigar impactos do coronavírus

Ao menos 30 países criaram novos programas de transferência de renda ou fortaleceram os já...

Depois de bater meta de doações para respiradores, Comunitas busca arrecadação para compra de monitores médicos

Para solicitar o número da conta para depósito, clique aqui e entre em contato com a...

Comunitas arrecada R$ 23,5 milhões e doará 345 respiradores para hospitais do Estado de São Paulo

Em caso de dúvida, clique aqui e entre em contato com a Comunitas. Após quatro dias de intensa...