Logo Comunitas

Comunitas inicia mobilização de recursos privados para apoiar famílias em situação de vulnerabilidade em SP

29/03/2020

A iniciativa busca unir governo, iniciativa privada e sociedade civil para potencializar esforços e levar renda para famílias mais vulneráveis. Para doar, clique aqui.

A Comunitas iniciou a mobilização de recursos privados para potencializar esforços e levar renda para as famílias mais vulneráveis do Estado de São Paulo.

A meta da Comunitas é mobilizar R$ 35,7 milhões em investimento privado, para apoiar na alimentação de aproximadamente 254 mil alunos da rede pública de ensino do Estado de São Paulo e da Prefeitura de São Paulo. A seleção foi feita por meio da política públicas e alinhada com o Estado e Município.

Na capital paulista, os alunos de creche irão receber R$ 101 reais (mobilização privada) + R$ 101 (prefeitura) e pré-escola que receberão R$ 63 reais (mobilização privada) + R$ 63 (prefeitura). Já no Governo de SP, serão beneficiados cerca de 117 mil alunos que receberão R$ 55 reais (mobilização privada) + R$ 55 (Governo). Os benefícios serão disponibilizados por 2 meses.

“Com esse trabalho a Comunitas busca garantir ao cidadão mais vulnerável mais formas de proteção social para ultrapassarmos os desafios provocados pela pandemia. Esperamos que está iniciativa sirva de inspiração e seja replicada em outras regiões do País”, explica a diretora-presidente da Comunitas, Regina Esteves.

Leia também: Transferência de renda vira alternativa para mitigar impactos do coronavírus

A iniciativa, de caráter emergencial, ocorre em virtude da suspensão das aulas em todas as 5,4 mil escolas da rede estadual de São Paulo desde o último dia 23, como forma de conter a propagação do novo coronavírus. Os repasses serão oferecidos enquanto as aulas seguirem suspensas nas escolas.

Repasse

Com o pagamento do auxílio, a Comunitas quer auxiliar o Governo de SP a garantir que os alunos mais vulneráveis, que se alimentam diariamente das refeições servidas nas escolas, não fiquem desassistidos.

O valor mobilizado pela organização será depositado diretamente para o fornecedor que o estado paulista indicar como encarregado pelo pagamento dos benefícios para as famílias. Após a transferência para o fornecedor, o valor cairá na conta do responsável pelo aluno em até dois dias.

Para doar, clique aqui.

 

 

A Comunitas e o apoio na implementação de ações de enfrentamento à pandemia

Desde o início da pandemia no Brasil, a Comunitas – organização dedicada à integração de uma agenda Brasil há 20 anos, resolveu reunir sua rede e buscar soluções rápidas para a crise enfrentada pela área da saúde no combate ao coronavírus.

Com a experiência de um trabalho realizado há anos junto à governos municipais e estaduais, a organização mapeou os desafios enfrentados pelas gestões, para encontrar as necessidades mais imediatas e encontrar as melhores formas de apoiar, sempre alinhada às estratégias dos governos.

Até o momento, a Comunitas já mobilizou cerca de R$ 26 milhões para a compra de equipamentos de saúde em São Paulo, sendo 351 respiradores, 121 monitores multiparâmetros e 06 ventiladores pulmonares.

Últimas notícias:

Reunião técnica marca início da construção da nova fábrica para produção da CoronaVac

A Comunitas está participando da governança e liderando a obra da fábrica, ao lado do Governo de...

Artigo | ESG com $ no investimento social

Até meados deste ano, o investimento social da rede BISC já havia somado R$ 2 bilhões Por...

Regina Esteves na Exame | Neste domingo, vote em candidatos que demonstrem ter espírito público

O voto é um dever coletivo que legitima pessoas para representar as decisões mais importantes da...

Lançamento BISC 2020: confira respostas para dúvidas remanescentes do público

A Comunitas lançou, na última terça-feira (10), os destaques do BISC 2020, durante um encontro...

Comunitas n’A Tribuna | ‘A participação não se dá só com o voto, mas na vida em coletividade’, diz Presidente da Comunitas

Regina Esteves questiona quanto tempo por dia colocamos tempo em benefício do coletivo em...