Logo Comunitas

Comunitas finaliza Jornada para Prefeitos com foco na Reforma Administrativa e Gestão de Pessoas

14/07/2021

A Jornada para Prefeitos chegou ao fim, por essa razão a Comunitas, organização especializada em modelar e implementar parcerias sustentáveis entre os setores público e privado, promoveu um evento online, transmitido na tarde de terça-feira (13), pelo YouTube.

Liderada pela Comunitas e com apoio técnico da Fundação Lemann, a Jornada acompanhou durante meses, de forma administrativa e tática, governos municipais que tinham como objetivo principal, a melhoria na gestão pública e a prestação de serviços mais eficientes. Com participação de 12 municípios, a iniciativa contou com o conhecimento e inspiração dos estados de Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

“Nós esperamos que toda a experiência passada, e a economia de mais de 11 mil aos municípios, sejam revertidos em serviços públicos. Mais de 60 pessoas foram selecionadas para participar desses processos e mais de 50 projetos pilotos foram implementados. Isso tudo só reforça essa nossa rede de replicabilidade, que é parte da metodologia da Comunitas, que valoriza experiências da área pública para inspirar outros líderes e gestores, além de melhorar o ambiente da administração pública”, declara Regina Esteves, diretora-presidente da Comunitas.

Além da presença de Regina Esteves, o evento contou com a participação do parceiro técnico, Weber Sutti, representante da Fundação Lemann, do professor de Gestão Pública da Fundação Dom Cabral, Humberto Falcão e de José Roberto Marinho, membro da Governança da Comunitas. Também marcaram presença, o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes; o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite; o senador da República, Antonio Anastasia, e outros prefeitos da Jornada, como Margarida Salomão, de Juiz de Fora (MG); Caio Cunha, de Mogi das Cruzes (SP); Francinete Carvalho, de Abaetuba (PR) e Luiz Paulo, de Curvelo (MG).

Para Antonio Anastasia, a administração pública é um tema extremamente importante e muito pautado na agenda nacional atual. “Nós temos que reconhecer a prevalência importantíssima da boa gestão de serviços públicos. A reforma administrativa não se encerra somente com mudanças de leis, mas sim com uma mudança de comportamento e cultura, por isso é extremamente necessário levar o debate aos líderes brasileiros. Temos que ter em mente que o efeito financeiro não é o único foco da reforma, mas sim a qualificação das despesas e dos recursos públicos”, complementa.

A visão macro da Reforma Administrativa é algo recente no país, por isso é um tema que se faz cada vez mais relevante e deve pautar estados e municípios de forma abrangente. Um ponto bastante abordado durante a Jornada, foi a Gestão de Pessoas, assunto que deve ser trabalhado juntamente com todos os outros temas jurídicos e financeiros, visto que para alcançar uma gestão pública eficiente e igualitária, é necessário olhar para as pessoas que fazem parte da sociedade.

Margarida Salomão também reforçou a importância da Reforma para a gestão pública, como uma necessidade de compreensão política. “Não há serviço público sem servidores públicos profissionalizados e motivados, por isso precisamos rever os processos de avaliação de desempenho da estrutura administrativa”, relata a prefeita.

Durante o encontro, o prefeito Ricardo Nunes trouxe exemplos de práticas adotadas na gestão municipal, que foram tiradas da Reforma Administrativa. “Na cidade de São Paulo, a nossa Secretaria de Gestão fez oito projetos de melhorias de gestão, como a reestruturação de nível básico e nível médio; programa de residência; a reestruturação de cargos em comissão; novo marco normativo dos concursos; novo regramento de férias; regime permanente de teletrabalho; programa de estágio e jovem aprendiz e a bonificação de resultados”, declarou.

A grande motivação da Reforma é a melhoria da gestão e o aproveitamento das boas oportunidades, para poder oferecer ao cidadão bons serviços e políticas públicas eficazes, além de atender as necessidades e expectativas da população. Tudo isso serve também para transformar o municípios em impulsionadores e não mediadores de problemas, que é o que vem acontecendo ultimamente.

“O nosso projeto é pautado para construir uma cidade orientada por pessoas. Por isso estamos investindo em pessoas que direcionam seu trabalho à cidade e que a fazem caminhar. Nós temos seis eixos do nosso mandato que regem esse projeto, que é a participação, transparência, sustentabilidade, justiça, representatividade e a formação. Por isso, para oferecermos a cidade que queremos, precisamos começar a executar esses pilares internamente.” – Caio Cunha.

Para Eduardo Leite, o suporte da Comunitas foi fundamental para a melhoria da máquina pública no Rio Grande do Sul, pois apoiou no diagnóstico de oportunidades e deficiências do estado. “É muito importante fazer o diagnóstico, você não vai conseguir fazer tudo, os prefeitos sabem disso, não vai ser feita uma Reforma que resolva absolutamente todos os problemas, mas é importante analisar e realizar um diagnóstico claro”, completou.

O governador ainda relata que entre 2020, 2021 e 2022, serão economizados mais de 3 bilhões de reais, na folha de pagamento.

Francinete Carvalho iniciou sua fala agradecendo a oportunidade de participar da Jornada, onde a troca de conhecimento é um fator fundamental para a construção coletiva no município. “A Reforma Administrativa é um grande desafio no nosso município em decorrência da complexidade de Abaetetuba, pois temos 3 realidades distintas e servidores públicos atuando em contextos distintos, visto que somos urbanos, ribeirinhos e rurais.”

O Prefeito de Curvelo (MG), também reforçou a importância de participar da Jornada. “Com apoio da Comunitas, nós estamos propondo e estruturando um novo organograma, novo plano de carreira, entre outros projetos. Dessa forma estamos construindo a prefeitura que a gente espera, oferecendo um serviço melhor à população”, completou.

Clique aqui e assista o evento na íntegra.

Últimas notícias:

A importância do equilíbrio fiscal em estados e municípios, com Fúlvio Albertoni

O especialista discorre sobre a importância de se manter o equilíbrio financeiro, com atenção...

Comunitas entrega projeto de reforma do Mercado Municipal à Prefeitura de Santos

A ação faz parte do projeto de Macroestruturação Urbana da cidade, que aposta na reforma do...

Com apoio da Comunitas, Rio Grande (RS) implementa ações em prol do equilíbrio fiscal

Dentre os resultados da frente, um dos destaques é o aumento da classificação do CAPAG de C para...

Equilíbrio Fiscal é destaque em Reunião de Governança entre a Comunitas e o Estado de Goiás

Também foram discutidos resultados em Educação, Saúde e Segurança Lideranças da Comunitas...

Com o apoio da Comunitas, Ribeirão Preto desenvolverá projeto para motivar o servidor

Município paulista pretende reestruturar a política de gestão de pessoas para modificar...