Logo Comunitas

Com apoio do Juntos, ensino infantil de Paraty desenvolve habilidades socioemocionais

27/02/2018

As crianças paratienses terão oportunidade de aprender a lidar com suas emoções, por meio de educação socioemocional.

Foto: Prefeitura de Paraty

Em parceria com o Programa Juntos, um novo trabalho de apoio à educação pública foi lançado nesta segunda-feira (26), em Paraty (RJ). Uma reunião com diretores e coordenadores pedagógicos do ensino infantil e visitas a creches e pré-escolar do município marcaram o lançamento da frente de desenvolvimento das habilidades socioemocionais da educação infantil, batizada como SER (Sociomocional e Relações).

As crianças não sabem lidar com as emoções delas e este é um grande desafio para os educadoresAdriana Moreno, diretora da pré-escolar Pingo de Gente 2

O pontapé inicial da ação começou com um encontro de planejamento das atividades da equipe do SER em Paraty, com a participação da consultora Ana Colagrossi, da secretária de Educação, Eliane Thomé, e da coordenadora de ensino infantil de Paraty, Nina Silva.

Durante o encontro, ficou definido que o projeto de desenvolvimento das habilidades socioemocionais vai contemplar 15 escolas que oferecem ensino infantil em Paraty, agrupadas em três grupos.

No total, serão envolvidos 120 profissionais de ensino e beneficiados mais de 800 alunos.

Foto: Prefeitura de Paraty

O primeiro encontro de formação para os profissionais de ensino será no dia 16 de março e, em seguida, serão organizadas reuniões com os pais e trabalho de acompanhamento nas escolas beneficiadas pelo programa.

Ainda na manhã de segunda-feira, o projeto do SER foi apresentado aos diretores e coordenadores pedagógicos dos pré-escolares Pingo de Gente 1 e 2 de Dercyneide de Moraes.

As coordenadoras receberam a proposta com entusiasmo e se dispuseram a auxiliar no engajamento dos professores nas atividades do programa.

Leia mais: A importância da aprendizagem socioemocional na escola

Segundo a diretora da pré-escolar Pingo de Gente 2, Adriana Moreno, a proposta do SER contempla uma realidade pouco pensada em termos de planejamento do ensino infantil. “As crianças não sabem lidar com as emoções delas e este é um grande desafio para os educadores”, disse.

Questionada sobre a estratégia de abordagem do SER, Ana Colagrossi explicou que o trabalho será feito diretamente nas escolas, ouvindo a comunidade escolar e adaptando as atividades pensadas para estimular as habilidades socioemocionais à realidade de cada unidade.

No período da tarde, Ana Colagrossi visitou as quatro maiores creches de Paraty, entre elas as creches Alzira Coupê, no bairro Ilha das Cobras, e a creche Dercyneide Moraes, no bairro Mangueira. Ela foi acompanhada pelas coordenadoras de ensino Mariana Lobo e Nina Silva.

Foto: Prefeitura de Paraty

Ana conversou com as equipes diretivas e com os professores nas quatro escolas e conheceu os projetos pedagógicos complementares, como aqueles relacionados às atividades da Escola de Comer.

Na avaliação da consultora, o maior desafio é engajar os pais e profissionais de ensino em um projeto único para estimular a empatia e as competências socioemocionais dos alunos. Para ela, as escolas têm equipes entusiasmadas e comprometidas com o seu trabalho.

Vídeo: Por que nós todos precisamos praticar primeiros socorros emocionais

A coordenadora de ensino infantil, Nina Silva, disse que o trabalho com as habilidades socioemocionais dos alunos será um aprendizado para todos os profissionais do segmento. “Temos que procurar entender e respeitar as reações dos alunos”.

Últimas notícias:

Fábrica que dá autonomia ao Brasil na produção da Coronavac ficará pronta em outubro

A Comunitas está participando da governança e liderando a obra da fábrica, ao lado do Governo de...

Comunitas na Folha de SP | Parceria público-privada ativa 360 leitos do SUS para Covid-19 em Campinas

A rede Mário Gatti de hospitais foi apoiada pela iniciativa Ações de Enfrentamento à Covid-19,...

Com participação do BISC, relatório internacional que mede impacto global do investimento social é lançado

Clique aqui e confira a publicação completa Foi lançado o Global Impact at Scale: Corporate...

Comunitas divulga prefeitos selecionados para mentorias individuais da Jornada Desafios dos Futuros Prefeitos

Além de mentorias individuais, os(as) prefeitos(as) selecionados(as) receberão um diagnóstico...

Comunitas finaliza primeira fase de mentorias para prefeitos e equipes de transição de governo municipal

A segunda etapa será realizada no final de janeiro, com foco no desenvolvimento do plano de metas...