universalizacao-do-saneamento-basico-e-destaque-na-plataforma-digital-rede-juntos

Universalização do Saneamento Básico é destaque na plataforma digital Rede Juntos

O Brasil ainda tem uma triste realidade: mais de 100 milhões de cidadãos vivem sem acesso à coleta de esgotos e mais de 35 milhões não têm acesso à água potável, segundo dados do Instituto Trata Brasil.

Foto: Thiago Casoni

Para dar a devida importância ao assunto, a Rede Juntos – plataforma digital liderada pela Comunitas, preparou uma trilha inteira acerca da universalização do saneamento básico.

Leia mais: Cada 1 real investido em saneamento básico economiza R$ 4 em gastos com saúde

O conteúdo é voltado especialmente para gestores públicos, e aborda assuntos como a relação entre saúde pública e saneamento básico, o impacto do saneamento básico na desigualdade social, o problema das enchentes e suas possíveis soluções, precedentes jurídicos e razões do subdesenvolvimento, ainda traz exemplos de políticas públicas implementadas no Brasil, além de vídeos e documentários sobre o tema.

Leia mais: Rede Juntos aborda o desafio do descarte do lixo: o que as cidades têm a ver com isso?

Nacionalmente, o saneamento básico conta com uma série de incentivos para que os municípios brasileiros tenham a oportunidade de intensificar sua infraestrutura.

Contudo, apesar das medidas governamentais, o Brasil figura posição insatisfatória de universalização do saneamento básico no mundo. Em 2017, um estudo feito pelo Instituto Trata Brasil em parceria com o Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável estimou que o país ocupava 112ª posição em um ranking de 200 países.

Comente:

Compartilhe esse conteúdo!:

Deixe um comentário

Facebook
Twitter
LinkedIn
YouTube
Instagram
Siga-nos por email