planejar-para-transformar-planejamento-estrategico-para-a-construcao-de-cidades-inteligentes

Planejar para transformar: planejamento estratégico para a construção de cidades inteligentes

Começar a construir no presente as cidades que queremos no futuro: essa é a intenção na construção de um planejamento estratégico municipal.

Usando estratégias, metas e soluções bem definidas, o planejamento auxilia as administrações na tomada de decisões mais seguras, com monitoramento da implementação e sustentabilidade do orçamento, tudo isso visando a excelência da gestão pública e o oferecimento de serviços de qualidade para a população.

O planejamento estratégico público não serve somente como ferramenta gerencial, tornando-se, também, uma forma de construir uma gestão pública participativa e transparente. Como principal beneficiada, é essencial fomentar o envolvimento da população na construção e no acompanhamento do planejamento, para que o resultado obtido atenda aos anseios de diferentes atores sociais.

LEIAMAIS: Smart Cities | A disrupção que invade a Gestão Pública

Além disso, sendo mais que um processo analítico, é necessário que o planejamento de longo prazo seja incorporado na cultura da administração pública, especialmente dos servidores, figuras importantes para transformar as metas em resultados práticos, gerenciando a sustentabilidade das ações.

Pensando nisso tudo, a Comunitas apoia o desenvolvimento de planejamentos de longo prazo para as cidades integrantes do Programa Juntos.

Por exemplo, na capital paranaense, o Curitiba 2035 mobiliza e engaja a sociedade para a construção de diretrizes de longo prazo, que deverão nortear as políticas de desenvolvimento urbano do município nos próximos 20 anos.

Foto: Arquivo

Já foram definidos os sete eixos estruturantes de trabalho para Curitiba – educação, qualidade de vida, inovação e criatividade, ambiente de negócios, sustentabilidade, participação cidadã e gestão pública – e cada um deles irá se desdobrar em diversas ações para o desenvolvimento humano, urbano e social da cidade.

LEIAMAIS: Controle social é fundamental para garantir a moralidade administrativa

No litoral paulista, o Santos 500 é um projeto da prefeitura em parceria com o Juntos para o planejamento da cidade até 2046, quando Santos completará meio milênio.

Foto: Tadeu Nascimento

O projeto foca na construção coletiva de um plano integrado de desenvolvimento local sustentável, tendo como objetivo estabelecer metas, ações e diretrizes para o fortalecimento da administração pública municipal, contribuindo ainda mais para o reconhecimento de Santos como cidade referência em qualidade de vida, desenvolvimento econômico e social e polo educacional e turístico.

Deixe um comentário