parceira-internacional-da-comunitas-cecp-completa-20-anos-de-historia

Parceira internacional da Comunitas, CECP completa 20 anos de história

Você sabia que o BISC foi a primeira  iniciativa da Comunitas a olhar de maneira transversal para o campo do investimento social, lá atrás, em 2008? Pois é. Mas o que talvez você não saiba é que o relatório Benchmarking do Investimento Social Corporativo, mais conhecido como BISC, foi criado inspirado no trabalho do Chief Executives for Corporate Purpose (CECP), coalizão americana liderada por CEOs que acreditam que a estratégia social de uma empresa determina o respectivo sucesso da organização. A Comunitas criou o BISC a fim de construir conhecimento sobre investimento social privado no Brasil.

Esta parceria segue firme e forte até hoje, ano em que o CECP completa 20 anos. Esta união é responsável por aferir padrão internacional para todo o trabalho do BISC, devido à um intercâmbio permanente de ricas experiências. Isso abre caminhos para que o BISC assuma novos contornos ao longo dos anos, buscando, cada vez mais, operar como uma ferramenta de apoio à gestão dos investimentos sociais corporativos. A Comunitas também tem sido uma colaboradora de longa data do relatório Giving Around the Globe do CECP, um relatório que explora o investimento social corporativo e as estratégias inter-regionais entre as empresas líderes mundiais .

Além disso, a Comunitas participou da co-criação do Global Exchange, iniciativa do CECP criada há quase quatro anos, que busca unir organizações envolvidas em causas sociais corporativas em nível nacional para fomentar o setor corporativo como uma força pelo bem em todo o mundo. Aliás, a Comunitas é a única representante da América do Sul e, junto ao México, representam a América Latina no grupo.

São organizações que, como a Comunitas, trabalham com algumas das maiores empresas do mundo para apoiar seus esforços na área social, oferecendo aprendizados e contextos culturais, percepções especializadas baseadas em dados sobre esforços nacionais de impacto social, além de oportunidades para aprimorar programas corporativos em regiões de todo o mundo. Combinadas, elas englobam 59% do PIB mundial e 50% da população do planeta.

A riqueza do Global Exchange está no compartilhamento de conhecimento e colaboração entre os afiliados globais. À exemplo, neste exato momento, a Comunitas está apoiando uma organização russa, chamada Russian Donors Forum, a  conduzir no Brasil uma pesquisa sobre filantropia e doação nos países que compõe o BRICS.

Por esses e outros motivos, a Comunitas agradece a parceria de mais de uma década com o CECP, esperando que continuemos juntos em prol da fortalecimento e ampliação dos impactos dos investimentos sociais privados no mundo.

 

Patricia Loyola

Diretora da Comunitas

Deixe um comentário:

Facebook
Twitter
LinkedIn
YouTube
Instagram
Siga-nos por email