mesmo-com-queda-educacao-continua-como-prioridade-dos-investimentos-sociais

Mesmo com queda, educação continua como prioridade dos investimentos sociais

Queda de 6% em relação ao ano anterior equivale a menos da metade da queda de 13% verificada no total dos investimentos sociais

O Brasil ainda possui índices desafiadores no quesito educação pública. Por exemplo: são cerca de 38 milhões de analfabetos funcionais no país, segundo o Indicador do Alfabetismo Funcional (Inaf) 2018. Isso significa que três em cada dez jovens e adultos de 15 a 64 anos são incapazes de compreender textos e contas matemáticas simples. Mas, para mudar os dados educacionais alarmantes, é necessária a união de toda a sociedade. Inclusive da iniciativa privada, que já tem se movimentado nesse caminho.

Leia também: Artigo | 11 anos de investimento social corporativo: qualificação, disseminação e aprendizado

Segundo o último Benchmarking do Investimento Social Corporativo (BISC) – relatório liderado pela Comunitas que define parâmetros e comparações sobre o perfil do investimento social corporativo no Brasil, empresas e institutos/fundações empresariais investiram R$ 901 milhões em projetos sociais educacionais em 2018.

Isso representa uma redução de 6% em relação ao ano anterior. No entanto, essa queda equivale a menos da metade da queda verificada no total dos investimentos sociais (13%).

Leia também: Crise impacta e investimento social corporativo tem queda de 13% no Brasil

Fonte: BISC 2019

Usando o conhecimento técnico na área, as empresas estimulam e investem em inovação e na busca pela qualidade de competências, recebendo de volta profissionais mais qualificados para atender a demandas da sua empresa, atendendo às suas necessidades específicas.

Leia também: 6 vantagens para empresas que investem no social

Essa forma de investimento alinha seu posicionamento de responsabilidade social às estratégias comerciais, aproximando-se de termas sociais críticos para seu negócio. Também gera valor para a própria empresa, além da sociedade, tornando o setor privado um importante sujeito de impacto social.

 

Clique aqui e confira o novo retrato dos investimentos sociais corporativos brasileiros.

Deixe um comentário:

Facebook
Twitter
LinkedIn
YouTube
Instagram
Siga-nos por email