inovacao-na-educacao-de-teresina-e-pauta-de-oficinas-realizadas-pela-comunitas-e-prefeitura

Inovação na educação de Teresina é pauta de oficinas realizadas pela Comunitas e Prefeitura

Imagina se você fosse chamado para opinar e trazer sugestões de melhoria para a sua cidade? É isso que está acontecendo em Teresina (PI), onde professores, gestores, técnicos, alunos e pais, participaram de oficinas de cocriação junto à Secretaria Municipal de Educação, que aconteceram entre os dias 31 de julho e 02 de agosto, na cidade. As ações, que estão sendo desenvolvidas com o apoio da Comunitas, fazem parte de uma iniciativa da prefeitura de inovar em seus processos de educação e melhorar suas práticas educacionais.



A proposta de inovação das ações em Educação surgiu porque, ainda em 2016, o município de Teresina superou as expectativas e apresentou um bom resultado no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). A nota chegou a 6,1 nas séries inicias e 5,2 nas finais, muito diferente da avaliação anterior, que foi de apenas 4,3.

O objetivo das oficinas, que estão sendo realizadas pela Agência Tellus, parceira técnica da Comunitas, é fazer um diagnóstico da situação do município, bem como conhecer a realidade da secretaria e as políticas públicas que alavancaram essas notas. Após isso, e com o envolvimento de todos os atores da rede de ensino, serão propostas novas ideias e soluções para que possam ser implementadas na Educação.

“O Programa Juntos é uma coalização empresarial que tem por objetivo atuar em ciclos da gestão pública, e em áreas estruturantes com a Educação. E não é possível debater sem que se envolva toda a sociedade, e precisamos estimular que isso aconteça”, explica a diretora-presidente da Comunitas, Regina Esteves. Ela conta que, durante os três dias de oficina, foi possível conhecer diversas práticas que já estão sendo realizadas pela prefeitura e, mais importante que isso, listar projetos que podem ser melhorados.

Maria Francilene, uma das mães presentes nas oficinas, lembrou de importância da participação dos pais nas atividades com as crianças e do impacto direto na qualidade da aprendizagem. “Eu vejo essa participação como uma grande evolução para a educação dos meus filhos e de outros também”.

Temas como cidadania, inclusão, currículo de ensino, formação dos professores e estrutura foram discutidos durante todos os dias. A secretária executiva de Ensino da Secretaria de Educação explicou que essa é uma oportunidade de debater e absorver novas ideias. “Acreditamos nessa parceria para reciclar as estratégias. Receberemos sugestões de soluções educacionais a partir de uma percepção externa, mas que analisou criteriosamente todos os aspectos da nossa educação municipal”, diz.

Marisete Cunha Moraes, também responsável de aluno, finalizou lembrando a importância de ações como estas. “É preciso caminhar escola e família, juntos. Apesar de termos um bom relacionamento com os pais, é preciso que todos se envolvam”.

 


 

Compartilhe esse conteúdo!:

Deixe um comentário