Copyright © 2017 - Comunitas
escola-de-maes-inspira-intercambio-entre-santos-e-paraty

Escola de Mães inspira intercâmbio entre Santos e Paraty

Em nova ação de replicabilidade apoiada pela rede Juntos pelo Desenvolvimento Sustentável, a secretária de Saúde de Paraty (RJ), Martha Cardoso, conheceu na última sexta-feira, 06 de outubro, o projeto da Escola das Mães de Santos (SP).

Foto: Prefeitura de Paraty

A Escola de Mães foi implementada em Santos em 2016, com o apoio da Comunitas e a consultoria técnica da Agência Tellus.  A iniciativa é um desdobramento do programa Mãe Santista, que começou em maio de 2013 e que já ofereceu assistência humanizada e integrada a mais de 11 mil gestantes santistas em pouco mais de quatro anos.

Desde então, a iniciativa ajudou a reduzir a taxa de mortalidade infantil em Santos de 13,6 por mil nascimentos para 7,9 por mil nascimentos (dados até abril de 2017).

Martha Cardoso se reuniu com o secretário de Saúde de Santos, Fábio Ferraz, e, em seguida, participou de um encontro técnico com a equipe de coordenação da Escola das Mães, conduzido por Carolina Ozawa. Martha estava acompanhada da assessora de planejamento da Secretaria de Saúde de Paraty, Rita de Cássia Marques.

Durante o encontro, a coordenadora técnica Milene Luz fez uma apresentação para explicar como a Secretaria de Saúde de Santos montou o time de facilitadores da Escola de Mães e destacou a importância da oficina de cocriação desenvolvida em parceria com a Agência Tellus.

Milene também mostrou como funciona o “kit mãe santista”, entregue a todas as gestantes atendidas pela escola, e a evolução do engajamento dos pais no pré-natal  – hoje com 59% de participação.

Outra ação complementar destacada foi a entrega de cerca de 5.000 enxovais para as mães que participaram de cinco ou mais consultas de pré-natal, através do Fundo Social de Solidariedade.

A secretária de Saúde de Paraty informou que entre as metas prioritárias da pasta estão a redução da taxa de mortalidade infantil (17,9 por mil nascimentos, segundo o IBGE) e o trabalho de orientação para reduzir os casos de gravidez na adolescência.

Foto: Prefeitura de Paraty

Martha disse que a Secretaria de Saúde pretende criar um projeto de referência para o atendimento a adolescentes grávidas e negocia com o Ministério da Saúde a instalação de uma Casa de Parto em Paraty – duas propostas que podem incorporar iniciativas positivas da Escola de Mães de Santos.

“A visita a Santos foi extremamente importante para que a gente pudesse conhecer uma experiência bem-sucedida e avaliar o que podemos incorporar nos nossos projetos em Paraty. Queremos promover agora uma visita da nossa equipe técnica ao Instituto da Gestante e às unidades que fazem parte da Escola de Mães.”

PERFIL – O cuidado com as gestantes e suas crianças em Santos envolve desde o teste de gravidez nas policlínicas até as visitas domiciliares dos agentes de saúde.

Hoje, as atividades da Escola de Mães englobam os atendimentos do Instituto da Mulher e Gestante e cinco unidades polos de saúde.

Nos grupos de orientação, são abordados temas como maternidade, sexualidade, educação e lazer.

Neste ano, a Escola de Mães venceu o prêmio de Escolha da Comunidade do Core 77 Design Awards – uma das principais premiações de design de produtos e serviços públicos do mundo.

Deixe um comentário