com-apoio-da-comunitas-plataforma-de-filantropia-reune-executivos-sociais-para-debater-transformacoes-estruturadas

Com apoio da Comunitas, Plataforma de Filantropia reúne executivos sociais para debater transformações estruturadas

A Comunitas é uma das organizações que integram o Conselho Curador da Plataforma de Filantropia Brasil.

Aconteceu, durante todo dia de ontem (31) e a manhã de hoje (01), na sede da Comunitas, mais uma oficina da Plataforma de Filantropia Brasil. Liderada pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), a plataforma faz parte da SDG Philanthropy Platform, uma iniciativa global que conecta fundações filantrópicas à dados, conhecimento e redes de relacionamento, que permitem intensificar a colaboração, alavancar recursos e sustentar o impacto gerado por essas organizações para o desenvolvimento sustentável.

Com o tema “Escalando soluções para transformar sistemas”, a oficina abordou o desenho de estratégias de ganho de escala para iniciativas de colaborações entre investidores sociais.

Além da participação de executivos sociais de organizações como a Fundação Roberto Marinho, Instituto Humanize, Rede Globo, Todos Pela Educação, Instituto Ayrton Senna, Fundação Maria Cecília Souto Vidigal, Porticus, Fundação Itaú Social e Fundação Itaú Unibanco, o encontro contou com as presenças de Donzie Barroso, diretora de Filantropia Global da Rockfeller Philanthropy Advisors (RPA), e Heather Grady, vice-presidente da RPA, e, também, cofundadora da Plataforma Filantropia em âmbito global – que possui apoio de organizações como a Conrad N. Hilton Foundation, Ford Foundation e MasterCard Foundation.

“Temos que aprender com o que deu certo ao redor do mundo. Precisamos entender ‘quando’, ‘como’ e ‘por que’ as soluções de algumas organizações foram capazes de crescer significativamente e alcançar as mudanças esperadas pelas organizações e por seus investidores, e compartilhar os caminhos e resultados”, explicou Heather.

Ainda na reunião, Heather compartilhou aprendizados do relatório “Soluções Escaláveis para Transformações Sistêmicas”, produzido em conjunto com a Porticus – organização internacional que gerencia e desenvolve os programas filantrópicos da família Brenninkmeijer, e as fundações Ford, Skoll e Draper Richards Kaplan.

O documento visa incentivar os financiadores sociais a trabalhar de forma mais colaborativa, por meio de investimentos de mais longo prazo, visando acelerar soluções escaláveis para os desafios prioritários mundiais. A ideia é alterar o foco de financiamentos de projetos individuais para o apoio a transformações mais profundas e sustentáveis na sociedade.

Foi apresentado também a publicação “Marco de Referência para Fundações Privadas: um novo modelo de impacto”, que permite às fundações tratar de questões urgentes e alinhar de maneira mais eficaz o propósito da fundação, benefício público e ação. Além de fornecer maneiras de pensar, o conteúdo também oferece maneiras pragmáticas de usar o subsídio para a prática diária.

Deixe um comentário:

Compartilhe esse conteúdo!:

Deixe um comentário

Facebook
Twitter
LinkedIn
YouTube
Instagram
Siga-nos por email