As frentes de trabalho do Juntos focam na melhoria da gestão das cidades, buscando gerar impacto sistêmico e sustentável. O equilíbrio das contas é sempre o primeiro passo para esta transformação. Com as contas públicas estabilizadas, as prefeituras podem definir atenção em áreas de maior demanda para a população, como saúde e educação.  A partir do entendimento dos desafios de cada município, as frentes do Juntos são articuladas em diálogo com o Núcleo de Governança do programa e as lideranças públicas.

Os desafios apoiados pelo programa estão nas áreas de Finanças Públicas, Gestão, Fortalecimento de Lideranças, Planejamento Urbano e Ambiental, Planejamento Estratégico, Políticas para Juventude, Engajamento, Saúde, Educação, Segurança Pública, Comunicação e Cultura e Lazer.

Todas as iniciativas do Juntos possuem o objetivo de contribuir para que os gestores municipais sejam atores-chave na construção de uma administração pública transparente e aberta ao diálogo com a sociedade, capaz de responder às demandas por políticas sociais com eficiência, qualidade e responsabilidade.

E por que nas cidades?

Nas cidades é onde os cidadãos se concentram, onde buscam oferta em saúde, educação, segurança. Onde sentem a mobilidade e convívio humano. Neste sentido, o Juntos optou atuar diretamente nas cidades pela proximidade da gestão municipal com os cidadãos, que têm nas políticas municipais referências mais tangíveis das decisões sobre seu futuro do que nas políticas discutidas no âmbito estadual ou federal.

Se, por um lado, a proximidade com o cidadão oferece maior capacidade de impacto das políticas desenvolvidas, por outro, abre também caminho para maiores demandas por participação na tomada de decisão. Os municípios assumiram um papel de protagonistas no desenvolvimento econômico e social do País.

Atingindo mais de 24 milhões de cidadãos, com mais de 70 frentes de trabalho desenvolvidas, conheça as cidades integrantes do Programa Juntos:

Comente:

Facebook
Twitter
LinkedIn
YouTube
Instagram
Siga-nos por email